Todos

 As verdades que nunca te contaram sobre morar em Jundiaí

Compartilhar em:

Cada vez mais pessoas estão preferindo morar em cidades ao redor de São Paulo para ter mais tranquilidade e qualidade de vida, sem deixar as oportunidades de trabalho e lazer da capital. Um dos locais que tem chamado a atenção por ser uma excelente opção para se viver é Jundiaí. Ao longo do texto, você conhecerá um pouco mais sobre esta cidade paulista.

Jundiaí é uma cidade de médio porte que fica a menos de 60km da capital paulista e 40km de Campinas. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas), sua população já se aproxima de 500 mil habitantes e 431mil km².

É considerada uma das melhores cidades do interior de São Paulo e também está entre as quinze mais inteligentes da Região Sudeste. As referências italianas e seu desenvolvimento crescente oferecem oportunidades de emprego, negócios e diversas atividades para quem busca o que fazer um Jundiaí. 

Sendo classificada como o 17º maior PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil, o município abraça patrimônios históricos, circuitos culturais, parques e polos tecnológicos, além de abrigar uma das maiores reservas ambientais de São Paulo – a Serra do Japi. 

Conectando-se com eficiência a diversas partes do estado, especialmente, com a logística facilitada pela histórica malha ferroviária, a Estação de Jundiaí, liga a Região Metropolitana ao Brás, no Centro de São Paulo, facilitando o transporte de mais de 480 mil passageiros em dias úteis.

imagem aérea de jundiaí
Foto aérea da cidade de Jundiaí
Imagem: Pulse Comunicação e Marketing

Jundiaí: a Terra da Uva

Jundiaí é uma cidade tradicionalmente italiana, sendo conhecida como Terra da Uva pela sua produção de vinhos e frutas que se mantém desde meados do século XIX. 

De 1934 até os dias atuais, acontecem as tradicionais Festa da Uva e Expo Vinhos de Jundiaí, que simbolizam a história do município que é um verdadeiro centro gastronômico e turístico.

Nesses eventos, os jundiaienses e seus visitantes celebram o sucesso do desenvolvimento frutífero, e ainda a preservação de tradições típicas italianas, como a Pisa da Uva.

Como é morar em Jundiaí?

Para quem almeja uma vida tranquila, mas não quer abrir mão da modernidade dos grandes centros, Jundiaí possui uma infraestrutura completa, com forte concentração de comércio, serviços, shopping centers, hospitais, escolas, universidades, bancos, hipermercados e tudo o que você precisa para o seu dia-a-dia. 

A cidade se destaca como um polo industrial e econômico, oferecendo diversas oportunidades de trabalho com um IDHM elevado e reconhecimento como uma das cidades mais seguras do Brasil, segundo os dados do IBGE e do Ministério da Saúde.

Custo de vida

De um modo geral, Jundiaí se destaca como uma opção mais econômica em relação a Campinas e São Paulo.

Com custos moderados em moradia, alimentação e lazer, além de opções de transporte mais acessíveis devido à sua localização estratégica, ela pode oferecer uma qualidade de vida financeiramente mais equilibrada.

De toda forma, cabe a você descobrir se morar em Jundiaí atende às suas prioridades e estilo de vida. Por isso, avalie todos os pontos que poderão impactar no seu bolso.

Clima

No geral, a temperatura em Jundiaí é muito agradável, variando entre 13° e 29º. A estação seca acontece entre 1º de abril e 20 de outubro e as chuvas são mais intensas entre novembro e fevereiro.

Segurança

Como mencionado acima, Jundiaí ocupa a 6ª posição dos municípios mais pacíficos do Brasil e o 4º no estado de São Paulo. Ou seja, a cidade apresenta baixa taxa de homicídios, vulnerabilidade entre crianças, desocupação dos jovens e boa taxa de escolarização.

Isso significa que Jundiaí é um local seguro para se viver em família e cuidar dos filhos!

Economia

Jundiaí é uma cidade com forte atividade econômica e muita circulação de mercadorias. Abriga empresas nos setores automotivo, farmacêutico, alimentício, metalúrgico e outros.

Como centro industrial, o município tem destaque nacional, com produção de 30% da uva do Estado, possuindo mais de 1.500 propriedades agrícolas, que representam mais de 50% do território da cidade. São mais de 500 produtores e 10 milhões de pés de uva.

Outras grandes produções são de caqui, pêssego, legumes, verduras e eucalipto. Na pecuária, há uma variedade na produção com rebanhos: bovino, ovino, equino, suíno, além da produção de ovos, mel e leite.

Além da sua importância agrícola, Jundiaí é referência em empresas de tecnologia e de logística.

Assim, Jundiaí se mostra uma grande geradora de emprego na indústria e na agricultura, fazendo com que muitas pessoas venham de outras cidades em busca de trabalho.

Educação

A educação básica em Jundiaí é uma das melhores do Brasil, possuindo 199 escolas e instituições de ensino técnico. 

Sendo também considerada uma cidade universitária, é destaque no estado de São Paulo em Índice de Desenvolvimento Humano, com três universidades públicas:

  • A FATEC (Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo)
  • O Instituto Federal de São Paulo (IFSP-Jundiaí)
  • A  Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ)

Além disso, a cidade possui algumas universidades particulares importantes, entre elas: UNIP (Universidade Paulista), UniAnchieta (Centro Universitário Padre Anchieta), Universidade Anhembi Morumbi, Centro Universitário Anhanguera e outras.

Turismo e Lazer

Outro ponto forte de Jundiaí é o turismo e o lazer. O município possui diversos atrativos, como vinícolas e adegas de vinho, museus, parques e a belíssima Serra do Japi. 

O tempo livre e as horas de lazer também podem ser bem aproveitadas através das atrações para todas as idades, com visitas aos cinemas, teatro e boliches. Entre as opções oferecidas aos moradores pode-se listar o Cinema Cinépolis, o Boliche Phoenix, o Teatro Polytheama e também o Jumpark.

O Jumpark é o maior parque Sustentável de Entretenimento Indoor da América Latina. Ele possui diversos trampolins que são conectados uns aos outros, circuitos integrados com plataformas e paredes angulares, além de um grande espaço para eventos.

A seguir algumas opções de visitação para quem gosta de áreas verdes e contato com a natureza:

  • Jardim Botânico Jundiaí: tem uma área verde de 150.000 m². O local surgiu como uma proposta de recuperação para uma espaço com longo histórico de degradação.
  • Parque Botânico Eloy Chaves: pode ser visitado gratuitamente e reúne equipamentos de ginástica, com mais de 40 possibilidades de exercícios. Os visitantes ainda têm à disposição pista de caminhada, quadra de areia para vôlei, playground e quatro pontes feitas em madeira que, além de facilitar a circulação dos usuários, integra os vários ambientes do espaço.

Quais são os melhores bairros para se morar em Jundiaí?

Entre as principais avenidas que interligam diversos bairros e outras ruas do município estão:

  • Avenida Nove de Julho;
  • Avenida Quatorze de Dezembro;
  • Rua Vigário João José Rodrigues;
  • Rua José do Patrocínio; Rua Anchieta;
  • Rua Cica;
  • Rua do Retiro.

Foto da Avenida Nove de Julho em Jundiaí
Imagem: Pulse Comunicação e Marketing

A cidade de Jundiaí possui vários bairros ótimos para você morar. Aqui nós iremos listar 3 bairros que possuem ótima infraestrutura e localização. Acompanhe!

Centro

O Centro de Jundiaí é um dos locais com mais infraestrutura da cidade. Você pode conseguir transportes acessíveis, além de outros serviços. O Centro também fica próximo à Estação de Trem.

Além disso, o centro é uma parte da história viva da cidade. Existem diversos prédios históricos e monumentos que merecem ser vistos e admirados, já que refletem a cultura da localidade.

Caxambu

O Caxambu é um bairro mais afastado do centro da cidade, com muitas áreas verdes ao redor. 

Esse bairro é conhecido pela tradição italiana e, principalmente, pela cultura que diz respeito ao cultivo da uva. Não é à toa que a Festa da Uva acontece uma vez por ano na cidade, que é conhecida nacionalmente por isso.

Medeiros

Por fim, o bairro Medeiros que conta com inúmeros empreendimentos e comércio novos, o que fez com que diversas pessoas se interessassem pela localização.

O bairro tem fácil acesso à região central de Jundiaí e a duas rodovias: a Rodovia Anhanguera e a Rodovia Bandeirantes.

5 curiosidades sobre Jundiaí

  1. O nome Jundiaí é uma referência ao Rio Jundiaí cujo nome vem da língua tupi e significa “Rio dos Jundiás”, um peixe então característico da região.
  2. Jundiaí possui cidades-irmãs, ou seja, cidades que apresentam laços nos aspectos culturais e econômicos, sendo elas Havana (Cuba), Pádua (Itália), Trenton (EUA) e as brasileiras Santo André e Poços de Caldas. 
  3. Jundiaí é vizinha de 11 municípios: Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Franco da Rocha, Cajamar, Pirapora do Bom Jesus, Cabreúva, Itupeva, Louveira, Vinhedo, Itatiba e Jarinú.
  4. 14 de dezembro é nome de uma rua, data de aniversário da cidade e de um fato importante: em 1655, neste dia, o local foi elevado à categoria de Vila.
  5. No século 18, as ruas do centro tinham nomes diferentes dos quais são hoje. Rua Direita (atualmente Barão de Jundiaí), Rua do Meio (Rua do Rosário), Rua Nova (Senador Fonseca) e Rua Boa Vista (Zacarias de Góes).

Depois de todas estas informações, o que você acha de morar ou investir em Jundiaí? Saiba que a Pollo Engenharia tem grandes projetos para a cidade e também para o interior de São Paulo.

Continue acompanhando os nossos conteúdos e novidades que estão por vir!

Leia também: Conheça mais sobre Poços de Caldas – 5 razões para morar aqui.

Leia também

apartamentos inteligentes
Tendência no mercado imobiliário: 6 razões para investir em apartamentos inteligentes
Viver bem: entenda a relação entre a escolha de um imóvel e qualidade de vida
imagem zona oeste
Zona Oeste de Poços de Caldas: conheça os 4 principais atrativos da região que mais cresce na cidade
Pesquisar